25 janeiro, 2016

Transitório




No estrépito
De acordes mal formados
Equilibro-me, balizo.

No apagar das lamparinas
Com o findar dos últimos goles
Desvaneço, extingo.

No soprar gélido
Da tarde de dezembro
Arrefeço, esmaeço.

E neste desatino
Efêmero,
Como ei de ser,
Transitório.

(Gabriel B. Rodrigues)