11 outubro, 2009

Tentei Enganar a Solidão


Achei que fosse fácil enganar a solidão
Ocupei todo o meu tempo
Em vias de pensamento
Com esta mera ilusão

Mas eu ser humano canso e logo paro
E ela, matreira logo pede,
“Ei companheiro, me dá um trago.”
_________________________________________________
Agradeço as palavras daqueles que costumam vir aqui, e peço
perdão aos mesmos pela tamanha demora em postar. Mas ando
tão ocupado que as vezes acho que meu lado poeta está me deixando.
Tanto acontecendo, e tão pouco dito, uma verdadeira antíntese.