19 agosto, 2010

Quatro Anos de Devaneios Irreais!


Hoje, o blog completa 4 anos de sua existência e confesso realmente que não esperava por tanto. Queria agradecer à todos que por aqui passaram e deixaram de alguma forma alguma contribuição. Então hoje, resolvi não postar nada novo, pelo contrário, resolvi postar minha primeira poesia, a do primeiro post deste blog. Ela foi realmente a primeira que escrevi (ou tentei), em um momento de inspiração incomum, e foi ela que me fez criar gosto por fazê-las.
_______________________________________________________

Minha Ludibriez

As vezes quero ser alguém que não sou
Quero fazer algo que não posso
Ir para onde para algum lugar impossível de chegar..

Talvez esses desejos sejam frutos de minha decepção
Com o mundo, ou da minha incapacidade diante das coisas que me cercam
Ou sejam simplesmente desejos fúteis de coisas que sei que jamais poderei fazer

Mas sigo a buscar a compreensão do incompreendido
Sigo esta trilha tão sinuosa e incerta

Afinal, talvez tudo isso não passe apenas de devaneios e divagações
Que se confundem com minha ludibriez
Enquanto vejo as luzes dos carros que passam lá fora, a iluminar
O teto do meu quarto como faíscas reluzentes, que se vão pela noite escura.


(Gabriel B. Rodrigues)

14 comentários:

Pegadas do Coração disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Pegadas do Coração disse...

Parabéns pelo blogger! Desejo-te muito mais sucesso, pois você merece!Que Deus continue lhe inspirando mais e mais...
Abraço.

PENHA''' disse...

Queerer coisas que não podemos ter
é muito bad ):

Insanium Delirium disse...

Parabens pelo aniversario do blog!!
O meu ainda é novinho!!tem quase 1 mês!!
se quiser, acesse http://artegrotesca.blogspot.com
bjos

Lustosa disse...

poxa, parabens. Mandou bem logo na primeira poesia... hehehe espero que o http://victorlustosa.blogspot.com/ chegue a essa idade tbm... Abs

♥ Evelin Pinheiro ♥ disse...

parabéns pra vc, nesta data keridaaaaaaaa

Parabén Biel!
Seu blog é show, suas poesias são lindas, vc tem talento!!

Ameei essa poesia! Foi a primeira? Muito linda!

Beijos e que venham mais mil!!

http://evesimplesassim.blogspot.com/

Carla A. Flor disse...

Eu sei que hoje é 20, mas como o tempo ta corrido pra mim.. não quero deixar de te dar o devidos parabens por estes 4 anos de sucesso.


"Mas sigo a buscar a compreensão do incompreendido
Sigo esta trilha tão sinuosa e incerta"

Linda frase ;)

Joyce Kelly disse...

Um poema em que se destaca principalmente a incerteza; questionamentos aos quais buscam a resposta no também incerto e talvez vago. E por ser a sua primeira pude perceber que o fato de sê-la tornou a poesia com características tais como a busca por algo diferente, não antes experimentado. Talvez a relação da poesia não tivesse essa pretensão, mas vendo-a hoje como a primeira assim a vi com esses aspectos.
E devo admitir, sem querer ser repetitiva, que desde a sua primeira vez você já pôde mostrar a que vinha e o que tinha a mostrar, e como reflexo disso não poderia ser diferente o sucesso do seu blog.

Parabéns e que você possa ainda comemorar muitos anos e possa mostrar o que você faz tão bem.

Beijão, Gabriel!

William disse...

Parabéns pelos 4 anos de Blog. Eu ainda estou no começo.
Siga em frente.
Abraço.

Carla A. Flor disse...

Muito obrigada pela sugestão.. Prometo me esforçar para ter mais de mim em meu blog ;)

Beeijos ;*

Priscila disse...

meu querido amigo
te dou os melhores e devidos parabéns...
ao blog
a você
as suas palavras
ao seu dom
estarei sempre por aqui lendo e adorando tudo
e te prestigiando é claro.
beijo!

Anônimo disse...

Pode ir se acostumando, esses são apenas os primeiros 4 anos de muitos que virão...

Te admiro em muitas coisas e fico muito feliz que tenhas herdado o dom com as palavras! PARABÉNS!

Abraços de sol e lua de sua Pequena Notável

Joyce Kelly disse...

E como presente pelos quatros anos de Devaneios Irreais te dou um outro selinho. Passa lá para pegá-lo.

Beijão.

Guilherme Lombardi disse...

Parabéns pelos 4 anos de blog e que continue tendo sucesso!