07 agosto, 2010

Queria ter, mesmo


Queria ter razão para fazer o impensável
Queria ter o motivo certo para fazer a coisa errada
Queria ter sensatez para ser insensato
Queria ter a palavra para silenciar

Mas acabei,

Mesmo impensável tendo razão
Mesmo com o motivo errado, fazendo a coisa certa
Mesmo insensato tendo sensatez
Mesmo em silêncio tendo a palavra

E no final,

Queria ter você para não ser só
Mesmo sendo só e não tendo você

(Gabriel B. Rodrigues)

21 comentários:

Thárcia Karine disse...

Nem parece q vc levou tão pouco tempo p fazê-lo!

Tá lindo,maninho.E a imagem tb,viu?

=**

Thii disse...

Esse eu tenho que comentar!
Te vi em CADA verso!

Isso diz tudo, né?
Amei!

JaCoNa disse...

Tá ai o cara q quer "chutar o pau da barraca" mas não consegue... arsrsrs
Brincadeira...


Sobre a estetica do tetxo, eu gostei... simples, porém tocante, curto, porém direto, profundo e bonito!
Parabéns ;)

♫ Angélica ♥ Kawai ♪ disse...

mas que bonito esse verso!
e como o outr disse.. simples e tocante... e verdadeiro! todos sentem as mesmos desejos malignos... é uma questão de escolha querer ou não realiza-los...

jaka disse...

quem muito quer, nada tem!

Adilson Guimarães disse...

Belo poema meu caro, de verdade... Inundado de sentimentos! Parabéns.


www.catarseonline.blogspot.com

Cayo Nauan Siqueira disse...

Não só o post mais o blog em si está muito bem construido em todos os textos e imagens!! muito bom.

MikaelMoraes disse...

poesia em tom de desabafo... as minhas preferidas

estende ela mais um pouco

abraço e esperamos o seu comentário

http://mikaelmoraes.blogspot.com

BlogdoKissaj disse...

legal :D
gostei ^^


to seguindo
retribue?

http://blogdokissaj.blogspot.com/2010/08/5-tirinhas-do-dodo-ch-d-em-o-assalto.html

circulo de fogo disse...

muito bom Rapaz parabéns!

to seguindo!
espero seu comentário tbm!

www.circulodf.blogspot.com

Pegadas do Coração disse...

Quanto tempo,meu amigo!Estava sentindo falta de suas postagens!
Como sempre, escrevendo bem e colocando nas linhas todo o sentimento que tens..Meus parabéns!
Abraço!

Jéssica Torres disse...

São pouco aqueles que conseguem, de fato, ser um paradoxo. E ainda mais escassos aqueles que entendem o verdadeiro sentido de sê-lo. Aparentemente fazes parte desse grupo.
Belas palavras, quase me fez te perdoar pelo calote!

Joyce Kelly disse...

Quantas vezes queremos alcançar o céu e nos deparamos com as nuvens... mas isso não nos impede de adimirá-lo. O mesmo acontece com as coisas, com as pessoas. E é nesse querer, mesmo que haja alguns obstáculos, que nos permitimos a algum dia poder ter.

Mais uma vez estás de parabéns. Muito bom!

Obrigada pela visita e pelo carinho.
Beijão, Gabriel.

ninepitt disse...

num vai ser soh nunk!!

=**

Tatiana M. disse...

Só estou aqui por ler seus escritos me faz bem! ótimo texto!

bjos

Midi disse...

'Queria ter você para não ser só.'
Incrível.

Joyce Kelly disse...

Olá, Gabriel.
Como você sabe e pôde perceber durante esse tempo que visito o seu espaço, admiro muito a sua forma de se expressar em seus poemas. E é por esse motivo que gostaria de compartilhar com você o meu primeiro selo.

Passa lá para pegá-lo e ver quais são as regras.

Beijão!

Joyce Kelly disse...

Olha, como eu não sei quando você verá esse comentário, eu gostaria de te pedir, se você não se importar, de me passar o seu, uma vez que os meus comentários são moderados e são vistos primeiramente por mim.

Beijão, Gabriel!

Pegadas do Coração disse...

Tem selo no meu blog pra ti!
Abraço!

Camila Passatuto disse...

O poema tem tanto ritmo que li e pensei que estava cantando.

Parabéns.

Thalita Souza disse...

Putz!Tu sempre surpreende-me no final,as duas últimas frases são de guardar no coração,belas,muito belas!