17 janeiro, 2008

Saudade por Ti

Sofro de uma saudade diferente
Saudade de amor não visto
Saudade de amor carente
Saudade que suporta o tempo
Que me surpreende

Saudade sim, de que te quero
E por te querer
Por ti espero

Mas por favor, não demora
Distante não fiques
A toda hora

Pois por ti, meu peito
Em um aperto
Sempre te chama
Em um verso

De quem te ama

3 comentários:

Thiara disse...

Nossa que lindo!!

espero que essa saudade se transforme so em coisa boa p ti.
=]


beeeijo

Ana disse...

Bom, muito bom moço!

Mariana disse...

Olá!

Excelente poesia!
Fiz um blog ontem, e gostaria que você desse uma olhada!

Achei o seu na comunidade "Filosofia para não filósofos"

Espero me tornar sua amiga de blog!

Beijos